Insensatez

4 10 2010

Quem semeia vento, diz a razão
Colhe sempre tempestade … canta a letra do grande poeta VINICIUS DE MORAES.

A despeito das coisas do coração que era do que meu mestre VINÍCIUS entendia como ninguém falo do que infelizmente ( fazer o que …sinal dos tempos ) também nos mobiliza o coração. Nossa relação com os objetos que de tão pessoal pode ser dita sensata ou não. Pois acho que estou numa fase em que a insensatez está passando longe. Não ando colhendo a tempestade dos excessos, das compras que não são utilizadas e das peças que ficam encostadas no armário sem nunca sairem de casa para nem uma voltinha.  Mesmo sem cumpir a meta dos 60 dias estou há alguns outros sem consumir e as compras que fiz – em bazares e similares – estão se mostrando úteis. Ao contrário do que acontecia quando eu entrava nas lojas e comprava no mínimo 2 pares de sapatos ( no mínimo mesmo porque na maioria das vezes eram 3, 4 até 5) hoje em dia é uma peça só que sai na sacola ( sempre tirando MELISSAS do caso) ou, como ando mais comedida, se por ventura for comprar mais coisas em um mesmo lugar é sinal claro que não vão rolar outras compras espalhadas por aí.

E assim .. sei lá ..  quem sabe a sensatez com relação as coisas ( objetos) não nos deixe mais ligados em outras emoções ??? ….salve Vinícius de Moraes e seu vício sensato ou não pelas coisas ( não objetos) do coração!!!

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: